Comunicado

Por questões de economia e para melhor atender ao público externo, nesta sexta-feira (19 de julho), a Divisão de Telemática do Tribunal de Justiça do Amapá, irá realizar a instalação de novos equipamentos de telefonia no prédio do TJAP SEDE. 

Durante a ação todos os serviços de telefonia da área metropolitana (Macapá e Santana) ficarão indisponíveis, retomando apenas às 18 horas do mesmo dia.

Agradecemos a compreensão.

DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA E TELECOMUNICAÇÕES DO TJAP

alapaudiesus (1).jpgO desembargador Carlos Tork, que preside o Comitê Executivo Estadual de Saúde do Judiciário (CES-JUS), representou o Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP) na audiência pública sobre a prestação de contas referente à gestão de recursos do Sistema Único de Saúde (SUS) pelo Governo do Estado, dos últimos quatro meses, ocorrida na Assembleia Legislativa do Amapá (ALAP), nesta sexta-feira (28).

PREPARAJURIJULHO (1).jpgA 1ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Macapá tem agendado para o mês de julho 14 julgamentos, entre casos de homicídio e tentativas de homicídio. Dentre os processos agendados está o de Nº 0054272-24.2016.8.03.0001 que têm como réus policiais militares acusados do homicídio de um adolescente de 16 anos. Este julgamento ocorrerá na quarta-feira, 03 de julho. (ACESSE A PAUTA DE JULGAMENTOS AQUI)

4d1ad452-2c04-4b8a-a8eb-66e1062b4f73.jpgCom o tema Marketing Político Eleitoral e Comunicação Digital: do planejamento e estratégia ao posicionamento nas redes sociais, mais de 300 pessoas participaram do seminário realizado pela Escola do Legislativo, no Plenário Provisório da Assembleia Legislativa do Amapá (ALAP), no Centro de Convenções João Batista de Azevedo Picanço, entre os dias 26 e 27 de junho. Profissionais da Assessoria de Comunicação do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP) se fizeram presentes ao curso ministrado pelo publicitário e estrategista de Marketing Político Eleitoral, Gilmar Arruda.

mudaramaisforum (2).jpgNo próximo dia 1º de julho, no horário de 08 às 18 horas, o serviço de telefonia do Fórum de Macapá será interrompido  pelo Departamento de Informática do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP). O objetivo da Divisão de Telemática, setor responsável pelo serviço, é realizar a instalação de novos equipamentos no sistema que assegurem melhor controle sobre o uso.

siactjap (1).jpgA política de conciliação do Poder Judiciário do Amapá deverá ser expandida para as unidades do Sistema de Atendimento ao Cidadão (Siac/SuperFácil), onde ainda não há centrais de conciliação, incluindo o interior do estado. O tema foi debatido pela desembargadora Sueli Pini, vice-presidente do TJAP e presidente do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec/TJAP), com a diretora-geral do Siac/SuperFácil, Luzia Brito Grunho, na manhã de quinta-feira (27).

almirsabado (1).jpgO Programa Justiça Contando Histórias desta semana está repleto de cultura e informação, com as presenças do cantor Almir Santos, este acompanhado por seu tecladista Romário Silva, e da escritora e contadora de histórias, Ângela Carvalho. O Justiça Contando Histórias vai ao ar neste sábado (29), das 17 às 18 horas, pela Rádio Difusora de Macapá (630 AM). O Programa é uma das ferramentas de comunicação do Poder Judiciário do Amapá para estar cada vez mais perto da sociedade, incentivando a difusão do conhecimento e da cultura em suas mais diversas manifestações, como literatura, música, teatro, artes visuais, cinema, dança e muitas outras formas de expressões artísticas.

depoimentoespeejap (1).jpgO Tribunal de Justiça do Estado (TJAP), por meio da Escola Judicial do Amapá (EJAP), proporciona a magistrados e servidores diretamente ligados ao julgamento de crimes de violência contra crianças e adolescentes o curso “Depoimento Especial – teoria e prática”, nestas quinta e sexta-feira (27 e 28). Com carga de 20 horas/aula e ministrado pelas professoras Maria Rosimery de Medeiros Lima Bastos e Simony Freitas de Melo, servidoras do Tribunal de Justiça de Pernambuco, o curso visa permitir o atendimento à Lei Federal nº 13.431/2017, que estabelece um sistema de garantias de direitos a crianças e adolescentes vítima ou testemunhas de violência.

EXTRACAMARAHJ (1).jpgCom 49 processos em pauta, a Câmara Única do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP) reuniu-se na manhã desta quinta-feira (27) em sua 152ª Sessão Extraordinária. Um dos processos em pauta foi a Apelação Criminal de nº0035604-39.2015.8.03.000. Em sustentação oral, o advogado Marinilson Amoras Furtado defendeu a absolvição ou, alternativamente, a exclusão da causa de aumento de pena aplicada ao apelante Marivan Amoras Furtado.

pactoinfancia (1).jpgA juíza Stella Simonne Ramos, titular do Juizado da Infância e Juventude – Área Cível e Administrativa da Comarca de Macapá, participou na última terça-feira (25) do Seminário Nacional Pacto pela Primeira Infância – Região Centro-Oeste, idealizado e realizado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em Brasília. Na oportunidade, os três poderes e cerca de 40 entidades da sociedade civil protagonizaram um marco histórico com a assinatura do Pacto Nacional pela Primeira Infância. O documento tem como objetivo reduzir a vulnerabilidade social e garantir direitos já previstos em Lei. 

supersiacfacil.jpgOs boxes de atendimento e as centrais de conciliação do Poder Judiciário que funcionam nas dependências do Sistema Integrado de Atendimento ao Cidadão (SIAC)/SuperFácil passarão a funcionar em horário único, das 8 às 14 horas nas unidades Zona Sul; Norte; Oeste; Beirol e Santana, a contar de 1º de julho. Por meio de sua diretora geral, Luzia Brito Grunho, o SIAC/SuperFácil informou a todos os coordenadores da rede de atendimento sobre a mudança, com exceção da Unidade Centro, que permanece com atendimento externo nos dois horários.

 

alienaçãoparental (18).jpegA partir de um esforço coletivo, toda a equipe da 4ª Vara de Família, Órfãos e Sucessões da Comarca de Macapá tem mudado a atmosfera de seu ambiente de trabalho, levando humanização, leveza e contato com a natureza para servidores e jurisdicionados. Desde o plantio e cuidado com canteiros de flores da espécie “11 horas” ao redor da Vara, montagem de um “Cantinho da Leitura” e estruturação de uma sala decorada com mensagens positivas e focadas em práticas restaurativas (círculos de diálogo e constelações familiares), além de métodos autocompositivos (mediação e conciliação de conflitos ali judicializados), o objetivo da equipe, de tornar o ambiente de trabalho mais agradável para todos que ali passam, tem sido alcançado.

selo-ouro-cnj selo-ouro-cnj