COMUNICADO

Informamos que a partir do dia 28/03/2017, as imagens das assinaturas dos documentos emitidos através do TUCUJURIS, assinados digitalmente, estão sendo gradativamente suprimidas, sem prejuízo de sua validade, conforme Lei n.º 11.419/2006 e Resolução n.º 1074/2016-TJAP. A autenticidade dos documentos deve ser verificada pelo código hash, no portal do Tribunal.

18 de Maio: Vara da Infância de Santana realiza blitz no Dia Nacional de Combate à Violência Sexual Infantil

santanablitzzz 22No Dia Nacional de Combate à Violência Sexual Infantil, 18 de maio, a Vara da Infância e Juventude da Comarca Santana esteve nas ruas do município com uma rede de parceiros levando informação aos moradores da cidade. A caminhada de sensibilização teve como tema o “Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”. (VISUALIZAR FOTOS)

 

santanablitzzz 11Na ação, foram distribuídos folders explicando o que é a violência sexual contras crianças e adolescentes e as formas de defesa da integridade desses menores. Essa também foi uma forma de encorajar as denúncias por parte da comunidade santanense, que segundo dados da Infância e Juventude ainda são muito tímidos, apenas 30%.

santanablitzzz 13A caminhada começou em frente à antiga ICOMI e passou pela área portuária do município e centro comercial, finalizando na Praça Cívica de Santana. Alunos de escolas estaduais e municipais também participaram da ação. Os jovens carregaram faixas e cartazes em apoio à campanha.

O professor da Escola Estadual Afonso Arinos, Rogério Getúlio, disse que os estudantes do colégio estão em grande vulnerabilidade social, pois a escola é localizada na área considerada “vermelha”, dentro da baixada do Ambrósio

santanablitzz 25“Além de todas as dificuldades, eles sofrem muito preconceito de outras pessoas pelo lugar onde moram. A gente sempre busca combater esses abusos dentro da escola e orientá-los para que dentro de casa eles não permitam que isso aconteça”, informou o docente.

Os órgãos parceiros da atividade foram a Prefeitura de Santana, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Secretaria de Assistência Social e Cidadania, Instituto Federal do Amapá, UNIFAP, Conselho Tutelar, Polícia Militar, Promotoria de Justiça, Corpo de Bombeiros e Faculdade Madre Tereza.

santanablitzzz 20O coordenador do Comissariado da Infância de Santana, Lauro Paula da Luz, falou que as campanhas impulsionam a comunidade à denúncia. “De janeiro a maio deste ano nós já registramos três denúncias de abuso, casos que já viraram processo e estão sendo acompanhados pelo Juizado da Infância. Nessas situações foi preciso afastar as crianças de suas casas e encaminhá-las para abrigos até a resolução”, declarou.

santanablitzzz 19A Juíza titular da Vara da Infância e Juventude de Santana, Larissa Noronha Antunes, agradeceu a participação de todas as instituições presentes e falou das consequências da falta de combate de ações dessa natureza.

“Os traumas provocados na vida das crianças e adolescentes, e também em suas famílias, são muito marcantes. Queremos combater essas dificuldades e punir os criminosos. Por esse motivo, precisamos da participação de casa cidadão. Precisamos pensar que esse é um assunto de todos”, enfatizou a magistrada.

-Macapá, 18 de maio de 2017-

Assessoria de Comunicação Social
Siga-nos no Twitter: @Tjap_Oficial
Facebook: Tribunal de Justiça do Amapá
You Tube: TJAP Notícias
Flickr: www.flickr.com/photos/tjap_oficial
Instagram: @tjap_oficial
Programa Justiça por Elas- Rádio 96.9 FM
Programa Conciliando as Diferenças- Rádio 96.9 FM
Programa Nas Ondas do Judiciário- 630 AM
Programa Justiça em Casa- Rádio 96.9 FM
Programa Justiça Contando Histórias- Rádio Difusora

selo-ouro-cnj selo-ouro-cnj