COMUNICADO

Informamos que a partir do dia 28/03/2017, as imagens das assinaturas dos documentos emitidos através do TUCUJURIS, assinados digitalmente, estão sendo gradativamente suprimidas, sem prejuízo de sua validade, conforme Lei n.º 11.419/2006 e Resolução n.º 1074/2016-TJAP. A autenticidade dos documentos deve ser verificada pelo código hash, no portal do Tribunal.

Presidente do TJAP reúne-se com gerentes de projetos voltados para aperfeiçoar a área de Gestão de Pessoas

tjapcomites 1O presidente do Tribunal de Justiça do Amapá, desembargador Carlos Tork, reuniu-se, na manhã de segunda-feira (04), com gerentes dos projetos Melhor +, Valorização de Pessoas e Teletrabalho, que integram o “Plano Estratégico do Poder Judiciário do Amapá para o período de 2015 a 2020”. A reunião tinha como foco informar o presidente quanto ao andamento dos diversos projetos que compõem o objetivo estratégico “Valorização e Reconhecimento”, do qual o desembargador também é patrocinador.

tjapcomites 5No âmbito do projeto Melhor +, ali representado pelo seu gerente Diego França da Silva, o presidente Tork foi informado que a contratação da empresa de consultoria que deverá executar o trabalho de implementação do programa de Gestão por Competência ainda está em fase de licitação, com termo e preços de referência levantados no mercado, aguardando o estudo de disponibilidade orçamentária no departamento de contabilidade. O desembargador pediu celeridade, observando que quer a licitação realizada ainda em 2017, além de uma análise qualitativa das propostas.

tjapcomites 3A gerente do projeto Valorização de Pessoas, Maria de Jesus dos Santos de Oliveira, observou que, sem orçamento previsto diretamente para o projeto em 2017, estabeleceu um diálogo com a Escola Judicial do Amapá (EJAP) para, dentro do orçamento desta, oferecer oficinas e cursos que contemplem conteúdos como: educação financeira, saúde para aposentados e o Programa de Aposentadoria Incentivada (PAI).

O desembargador Tork sugeriu envolver parceiros como a Cooperativa de Crédito de Livre Admissão do Estado do Amapá (Sicoob), para viabilizar a capacitação em educação financeira. Também por meio do diálogo já estabelecido com a EJAP, e contemplando o projeto Melhor +, viabilizar a capacitação de gestores em Gestão por Competência.

tjapcomites 11O gerente do projeto Teletrabalho, Isaac Emanoel Silva Pereira, explicou ao desembargador Tork que o sistema já passou por testes e já está disponível para ser usado por assessores jurídicos. “Aos poucos estamos transferindo funções, mas não é possível, ainda, anunciar uma data para disponibilidade total”, complementou.

O presidente do TJAP observou que seria bom que tal recurso não fosse restrito a esta atividade, mas que pudesse ser explorado também por outros componentes da Justiça do Amapá. “Não devemos simplesmente aceitar as limitações e dificuldades, precisamos agir com confiança e proatividade para chegar ao objetivo”, recomendou.

tjapcomites 7O desembargador patrocinador dos projetos solicitou que todos focassem em uma execução célere de suas atividades, pensando em resultados, ou pelo menos ações efetivas, ainda em 2017. “Não podemos descansar, pois nossas metas são desafiadoras e o empenho de todos é fundamental para a efetividade de cada projeto”, concluiu o presidente.

 

-Macapá, 06 de setembro de 2017-

Assessoria de Comunicação Social
Siga-nos no Twitter: @Tjap_Oficial
Facebook: Tribunal de Justiça do Amapá
You Tube: TJAP Notícias
Flickr: www.flickr.com/photos/tjap_oficial
Instagram: @tjap_oficial
Programa Justiça por Elas- Rádio 96.9 FM
Programa Conciliando as Diferenças- Rádio 96.9 FM
Programa Nas Ondas do Judiciário- Rádio Difusora 630 AM
Programa Justiça em Casa- Rádio 96.9 FM
Programa Justiça Contando Histórias- Rádio Difusora 630 AM

selo-ouro-cnj selo-ouro-cnj