Senhores Usuários

A partir de hoje, dia 19/12/2018, disponibilizamos a nova interface de petição inicial na web para todo o Segundo Grau (Tribunal de Justiça) e Turma Recursal. Agora todas as petições iniciais e incidentais de 1º e 2º graus deverão ser protocoladas exclusivamente pelo Tucujuris web. Com esse marco concluímos a implementação do TUCUJURIS 2.0, que conta com 100% dos peticionamentos online no âmbito do Tribunal de Justiça do Estado do Amapá. 

Contudo, como toda grande mudança, podemos ter alguma instabilidade nos próximos dias. Estamos trabalhando para que ela seja mínima.

Magistrados e servidores do TJAP participam do curso de formação promovido pela Enfam

enfamcursom 1O desembargador Carmo Antônio de Souza, a juíza Joenilda Lenzi e a servidora Sônia Ribeiro participaram do curso Formação de Formadores – Desenvolvimento Docente – Nível 1 – Módulo 1, que ocorreu em Brasília, de 11 a 13 de abril, na Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam).

enfamcursom (7).jpg“Dando prosseguimento a minha formação continuada, estarei apto, no final do curso, a auxiliar o Poder Judiciário na preparação dos juízes e servidores como mediadores”, declarou o desembargador Carmo Antônio de Souza, para quem a formação do magistrado deve ser um processo contínuo.

enfamcursom 11As turmas foram divididas e organizadas tendo como participantes de uma delas apenas magistrados e servidores que atuam como formadores nas escolas judiciárias eleitorais; e a outra sendo composta por formadores de instrutores de mediação indicados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

No total, participaram do curso cerca de 60 magistrados e servidores. Os participantes das escolas eleitorais iniciaram o curso na terça-feira (10) e seguiram nas atividades até a quinta (12). Já os indicados pelo CNJ começaram na quarta-feira (11) e encerraram na sexta-feira (13).

enfamcursom 10enfamcursom 6A servidora Sônia Ribeiro destacou que o TJAP tem um grupo de instrutores treinados, mas havia necessidade de aperfeiçoamento quanto às novas diretrizes curriculares da formação após a entrada em vigor do novo Código de Processo Civil (Lei 13.105/2015) e da Lei da Mediacao (Lei 13.140/2015). “Assim, o CNJ em cooperação com a ENFAM vem promovendo cursos de capacitação para juízes e servidores com experiência em mediação e docência, para que cada Tribunal cuide da formação de instrutores em mediação”.

enfamcursom 3Entre os conteúdos trabalhados durante o curso destacam-se: Análise do Trabalho Docente a Partir de Princípios Pedagógicos; Especificidades do Ensino e da Aprendizagem; As Diretrizes Pedagógicas da Enfam e o Processo de Ensino Orientado para o Desenvolvimento de Competências, entre outros temas.

Formadores

Os formadores da turma das escolas eleitorais são a juíza do TJBA Ana Conceição Barbuda, a juíza do TRF da 4ª região Ana Cristina Monteiro e as pedagogas Liliane Campos e Marizete da Silva.

Na turma da mediação, atuaram Roberto Portugal, desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR); a juíza do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) Taís Schilling; e a pedagoga da Enfam Maria Eveline.

Fonte: Enfam

- Macapá, 16 de Abril de 2018 -

Assessoria de Comunicação Social

Siga-nos no Twitter: @Tjap_Oficial

Facebook: Tribunal de Justiça do Amapá

You Tube: TJAP Notícias

Flickr: www.flickr.com/photos/tjap_oficial

Instagram: @tjap_oficial

Programa Justiça por Elas- Rádio 96.9 FM

Programa Conciliando as Diferenças- Rádio 96.9 FM

Programa Nas Ondas do Judiciário- 630 AM

Programa Justiça em Casa- Rádio 96.9 FM

Programa Justiça Contando Histórias- Rádio Difusora

 

selo-ouro-cnj selo-ouro-cnj