Tribunal do Júri de Santana inicia pauta de julgamentos de fevereiro com processo por tentativa de homicídio

liviajulgapro (1).jpegO Plenário do Fórum de Santana iniciou, na manhã desta terça-feira (05), a pauta 2019 de julgamentos do Tribunal do Júri Popular. Alternando semanalmente entre as duas Varas Criminais de Santana, a série de julgamentos começou com o conselho de sentença (colegiado popular) presidido pela titular da 2ª Vara Criminal de Santana, juíza Lívia Simone Oliveira Freitas Cardoso.

liviajulgapro (2).jpegNo caso em questão era uma tentativa de feminicídio, mas na pauta de fevereiro – que inclui homicídios, feminicídios e outros crimes dolosos contra a vida – ainda há mais quatro julgamentos, agendados para os dias 07, 19, 20 e 21 de fevereiro (somente pela 2ª Vara Criminal).

 

Júri Popular

liviajulgapro (3).jpegO Tribunal do Júri, ou Júri Popular, tem como competência julgar crimes dolosos contra a vida, entre eles: homicídio, infanticídio, aborto e indução ao suicídio. Sob a presidência de um juiz, o Tribunal do Júri sorteia, a cada processo, 25 cidadãos que devem comparecer ao julgamento servindo como julgadores.

Destes, apenas sete são novamente sorteados para compor o conselho de sentença que irá definir a responsabilidade do acusado pelo crime. Ao final do julgamento, o colegiado popular deve responder aos chamados quesitos, que são as perguntas feitas pelo presidente do júri sobre o fato criminoso em si e as demais circunstâncias que o envolvem.


- Macapá, 06 de fevereiro de 2019 -

 

Assessoria de Comunicação Social

Siga-nos no Twitter: @Tjap_Oficial 

Facebook: Tribunal de Justiça do Amapá 

YouTube: TJAP Notícias 

Flickr: www.flickr.com/photos/tjap_oficial 

Instagram: @tjap_oficial 

Programa Justiça por Elas- Rádio 96.9 FM 

Programa Conciliando as Diferenças- Rádio 96.9 FM 

Programa Nas Ondas do Judiciário- 630 AM 

Programa Justiça em Casa- Rádio 96.9 FM 

Programa Justiça Contando Histórias- Rádio Difusora

selo-ouro-cnj selo-ouro-cnj