Comunicado

Por questões de economia e para melhor atender ao público externo, nesta sexta-feira (19 de julho), a Divisão de Telemática do Tribunal de Justiça do Amapá, irá realizar a instalação de novos equipamentos de telefonia no prédio do TJAP SEDE. 

Durante a ação todos os serviços de telefonia da área metropolitana (Macapá e Santana) ficarão indisponíveis, retomando apenas às 18 horas do mesmo dia.

Agradecemos a compreensão.

DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA E TELECOMUNICAÇÕES DO TJAP

Desembargador Gilberto Pinheiro recebe prefeita de Pracuúba para alinhar projetos sociais para crianças e jovens em vulnerabilidade social

GILBERTOPRACUUBA (1).jpgA prefeita do município de Pracuúba, Belize Ramos, procurou o coordenador da área da infância e juventude do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP), desembargador Gilberto Pinheiro, para buscar apoio no desenvolvimento de projetos educativos e de formação para o trabalho, que atendam ao público juvenil em situação de vulnerabilidade social naquela região.

GILBERTOPRACUUBA (7).jpgRecebida pelo desembargador Gilberto Pinheiro, a prefeita ouviu do decano do TJAP o relato sobre os projetos que podem ser desenvolvidos em cooperação entre o Judiciário e aquela prefeitura, com apoio de outros parceiros. “Falamos sobre o Projeto ABC da Cidadania, que desenvolvemos no passado no âmbito da Justiça Eleitoral, e que serve para alfabetizar eleitores não letrados, com apoio de material didático e professores capacitados”, explicou o magistrado

GILBERTOPRACUUBA (2).jpgO desembargador decano ressaltou a beleza natural exuberante do município, como potencial para capacitação dos jovens em programas de ecoturismo, com aprendizado de francês como segundo idioma, por meio do Projeto Pirralho, criado por ele quando exerceu a presidência do TJAP, e que pretende reeditar este ano. “A área da infância e da juventude sempre foi nossa prioridade e estamos em busca de parcerias, como por exemplo, o SENAC, para voltarmos a desenvolver esses projetos.

Ainda destacando as potencialidades do município, o desembargador Gilberto Pinheiro citou a piscicultura como alternativa viável para capacitação dos jovens de até 18 anos. “Este é também um caminho importante e que está alicerçado na realidade das riquezas naturais da região”, enfatizou o magistrado.

Macapá, 20 de Março de 2019

 Assessoria de Comunicação Social

Siga-nos no Twitter: @Tjap_Oficial

Facebook: Tribunal de Justiça do Amapá

YouTube: TJAP Notícias

Flickr: www.flickr.com/photos/tjap_oficial

Instagram: @tjap_oficial

Programa Justiça por Elas- Rádio 96.9 FM

Programa Conciliando as Diferenças- Rádio 96.9 FM

Programa Nas Ondas do Judiciário- 630 AM

Programa Justiça em Casa- Rádio 96.9 FM

Programa Justiça Contando Histórias- Rádio Difusora

selo-ouro-cnj selo-ouro-cnj