Conselho Estadual de Educação autoriza Escola Judicial do Amapá a realizar cursos de pós-graduação em nível lato sensu

EJAP_POS-GRADUACAO.jpgA Escola Judicial do Amapá (EJAP) foi credenciada a ofertar cursos de pós-graduação em nível lato sensu. O pedido foi analisado pelo Conselho Estadual de Educação do Amapá (CEE/AP), por meio da Câmara de Educação Profissional e Educação Superior (CEPES), que concedeu voto favorável ao credenciamento para a oferta dos cursos presenciais. A resolução nº 105/20 autorizou a realização da Especialização em Gestão e Aplicação da Justiça no Desenvolvimento Humano. O êxito na aprovação foi resultado dos esforços da atual gestão e dos trabalhos técnico-pedagógicos desenvolvidos pelos colaboradores do EJAP na realização de projetos exigidos pelo Ministério da Educação e Cultura. O ofício de nº 046/2020 foi encaminhado pelo diretor-geral da EJAP, desembargador Carlos Tork, com a solicitação em 29 de Julho de 2020 juntamente com a autorização de funcionamento do curso.

 

A Escola Judicial do Amapá tem como objetivo atuar na formação e aperfeiçoamento de magistrados, servidores, estagiários e colaboradores do Poder Judiciário do Estado do Amapá, ofertando cursos de especialização, extensão e capacitação técnico-científica além de promover ações de aprendizagem, pesquisa, extensão e publicações que buscam aprimorar a prestação jurisdicional do judiciário amapaense.

 

- Macapá, 20 de Janeiro de 2021 -

 

Assessoria de Comunicação Social

Central de Atendimento ao Público do TJAP: (96) 3312.3800

Siga-nos no Twitter: @Tjap_Oficial

Facebook: Tribunal de Justiça do Amapá

You Tube: TJAP Notícias

Flickr: www.flickr.com/photos/tjap_oficial

Instagram: @tjap_oficial

Selo 28 Anos TJAP Selo 29 Anos TJAP Selo Ouro CNJ Sessões online