Júri Popular de Mazagão condena integrantes de facção acusados de matar adolescente em 2019

JURIMAZAGAO2411.jpegA Vara Única da Comarca de Mazagão, sob a titularidade do juiz Luiz Carlos Kopes Brandão, realizou mais uma sessão plenária de júri popular nesta quarta-feira (24). O processo em julgamento, ação penal nº 0000843-34.2019.8.03.0003, trata de crime cometido em 2019 e resultou na condenação de três réus, sendo: 17 anos em regime fechado para o réu I.U.M.R.; 16 anos e nove meses em regime fechado para o réu M.B.A.; e seis anos em regime semiaberto para o réu R.P.S.J.

Entenda o caso

 

Em junho de 2019, a vítima Eduardo da Silva dos Santos, 17 anos, foi levado para o ramal do Camaipi, município de Mazagão, e lá foi decapitado. A vítima pertenceria a uma facção criminosa, e teria querido passar para outra.

Segundo a denúncia, Eduardo foi escolhido para ser morto porque pertenceria a uma facção e os réus, integrantes de uma facção rival, foram incumbidos de matá-lo para demonstrar poder. Daí foi um passo para a execução. Eduardo foi levado para o Camaipi e ali morto pelos algozes.  

O crime foi descoberto acidentalmente por policiais militares que se deslocaram ao Camaipi para atender ocorrência de suposto roubo de gado. Após algumas abordagens, os policiais acabaram se deparando um Fiat Siena prata, no qual se encontravam quatro indivíduos, um deles menor de idade. Na busca no interior do veículo foi notado que três ocupantes estavam com manchas de sangue pelas roupas. Os suspeitos foram revistados e com eles encontrados três revólveres Taurus calibre 38, todos carregados de balas.

Em face dos indícios, os infratores informaram à equipe que tinham cometido homicídio a aproximadamente 6,5 quilômetros da entrada daquele ramal, onde abandonaram o corpo. O fato foi constatado pelos policiais em diligência ao local. Os três adultos autores do crime foram mandados para audiência de custódia e posteriormente encaminhados para o Iapen. 

 

- Macapá, 25 de novembro de 2021 - 

 

 Assessoria de Comunicação Social

Central de Atendimento ao Público do TJAP: (96) 3312.3800

Siga-nos no Twitter: @Tjap_Oficial

Facebook: Tribunal de Justiça do Amapá

You Tube: TJAP Notícias

Flickr: www.flickr.com/photos/tjap_oficial

Instagram: @tjap_oficial

Selo 28 Anos TJAP Selo 29 Anos TJAP Selo Ouro CNJ Sessões online

O Tribunal de Justiça do Estado do Amapá utiliza cookies em seu portal e Aplicativos para controle de navegação no site e geração de informações estatísticas, os quais são armazenados apenas em caráter temporário para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com esse monitoramento. Conheça nossa Política de Privacidade, Cookies e a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais - LGPD